quarta-feira, 9 de outubro de 2013

-Estou com todos os ingredientes prontos pra fazer caldo verde.
-E o que falta pra fazer, pai?
-Você não disse se quer.
-Então basta eu dizer que quero e você faz caldo verde?
-Não.
-Então o que é preciso pra você fazer caldo verde?
-Eu ter vontade.

Dentro da cabeça do meu pai, só imagina como deve ser lá dentro.

9 comentários:

  1. Olha meu nome é Renata, e te leio desde 2006.
    Mas leio quietinha no meu canto, sem nem comentar, pra não parecer louca. Daí eu meio que acho que te conheço desde sempre (inclusive se eu coloco um vestido desses fofinhos ou uma sapatilha mais de menininha eu penso comigo mesma 'hoje eu tô de tantos clichês', pq sei lá é essa imagem que ficou criada na minha cabeça)
    Enfim, tô falando demais e não tem nada a ver com o post do pai, mas é que achei importante dizer que você tem uma fã do seu jeito de escrever.

    ResponderExcluir
  2. Vai ficar bizarro se mais uma Renata - que te lê quietinha há tanto tempo que nem lembra quando começou - também dizer que é dâ da tua escrita?

    ResponderExcluir
  3. Que é isso.Orphan Black? Quantas Renatas existem aqui ahsushaushaus.

    ResponderExcluir
  4. adoro esses encontros de dizeres e blogs! =) (tb não tem nada a ver com o texto do pai)

    ResponderExcluir