quinta-feira, 27 de junho de 2013

Uma coisa que me acontece muito, sempre que eu falo do livro que eu estou lendo, é alguém me dizer que quer ler, mas não sabe que livro escolher. E aí me pede uma dica de livro.

Eu entendo muito essa ansiedade pra escolher livros, porque, olha, se eu for contar o que eu faço pra escolher um livro novo tem gente que vai achar uma grande maluquice - e que eu tenho muito tempo livre. Basta dizer que envolve infinitas abas abertas no meu chrome e que eu (quase) não compro livros em livraria de tijolo (só online), porque não consigo ver todas as opções.

Uma coisa que eu faço e que me ajuda a domar a ansiedade é só comprar um livro por vez. Escolho o que quero ler, compro, escolho outro enquanto estou lendo um, compro. Quando acabar, o outro já está me esperando (eu fico nervosa se acabar um livro e não tiver outro pra ler. quando acho que vou terminar um no ônibus voltando pra casa, já levo outro na bolsa), mas só um. Ir escolhendo de um em um me deixa mais tranquila. Existem muitos livros no mundo, isso me deixa ansiosa. Que na minha casa existam poucos não lidos me acalma.

Eu mantenho uma lista de livros que me interessam. Encontro em posts de amigos no Facebook ou no Twitter e no Goodreads. Assim fica mais fácil, quando preciso escolher um livro, começo pela minha lista, não do zero. E, se não tenho livros não lidos em casa, posso comprar um que não estava na lista sem sentir que estou atrasada na leitura, deixando de ler o que eu já comprei.

Mesmo assim, estou num momento um pouco descontrolado. Porque ganhei de presente ou me empolguei e comprei, acabei com vários livros não lidos em casa.

Garota exemplar, Gillian Flynn (a Mari me deu)
What we talk about when we talk about love, Raymond Carver (o Bruno me emprestou)
Os amores difíceis, Ítalo Calvino
Lavoura arcaica, Radun Nassar (pra ler com amigos)
Ensaios de amor, Alain de Botton (a Nath me deu)
O amor acaba: crônicas líricas e existenciais, Paulo Mendes Campos
Ithaca Road, Paulo Scott
Livre, Cheryl Strayed (a Flávia me deu)
o remorso de baltazar serapião, valter hugo mãe (o Júnior me deu)
O filho da mãe, Bernardo Carvalho (o Guilherme me deu)

E aí fico ansiosa, não sei direito por onde começar. Ando dizendo pra mim mesma o que eu sempre digo pra quem me diz que não sabe que livro escolher pra ler: é só um livro.

Escolhe um, escolhe qualquer um. Escolher o livro errado é melhor do que não escolher livro nenhum.

É só um livro.

quero só dizer que gosto de ganhar livros e a confusão causada na minha fila pra ler nunca é mais importante do que ganhar livros dos meus amigos.

21 comentários:

  1. garota exemplar tbm ta na minha lista... ^^
    mas tenho q dizer que metade dos livros que compro são livros que li no notebook e que eu gostei...eu sei, estranho, mas fazer o q.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu já li garota exemplar e gostei muito.

      Excluir
  2. Vou te indicar mais um Renata: O que deu pra fazer em matéria de história de amor da Elvira Vigna <3.
    Um beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada, Rodolfo! coloquei na minha lista!

      Excluir
  3. acabei de ler garota exemplar. é um suspense bonzinho. às vezes cansa um pouco, mas eu li em dois dias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu gostei muito, mas mais da primeira parte. =)

      (acabei hoje de manhã)

      Excluir
  4. Eu tenho uma lista enorme, mas o facebook e o netflix me raptaram!

    ResponderExcluir
  5. Eu sou muito, muito, muito ansiosa, então, quando leio sobre um livro que me interessa, eu compro logo. Aí, eu fico com uma fila enorme. Para decidir qual vai ser o livro da vez, eu SORTEIO, com PAPELZINHO. Eu sei, parece estranho, mas dá certo...

    ResponderExcluir
  6. Começa pelo Filho da mãe depois parte pro Calvino lindinho! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu agora tô no novo do paulo scott, acho que o calvino é o próximo!

      Excluir
  7. Entendo bem essa ansiedade. Eu trabalho em uma biblioteca e todos os livros devem passar pelo meu setor antes de irem para a circulação. Tenho uma lista com mais de 400 títulos anotados e ainda tenho os livros que eu comprei.
    Muitas vezes nem sei por onde começar...
    Também comprei Amores Difíceis do Calvino.
    Bjs.
    Elviras

    ResponderExcluir
  8. ah, eu geralmente compro vários livros de uma vez, pra aproveitar o frete (que só é grátis a partir de um determinado valor) e também porque se comprasse de um em um não diminuiria minha ansiedade. :/
    eu comprava em loja física até um ano e meio atrás, mas peguei nojo do atendimento de lá, briguei, mandei e-mail reclamando, e agora só compro pela internet mesmo, o que me faz demorar mais para comprar.
    eu geralmente escolho por dicas que vejo na internet, e tento ler mais de uma opinião antes de me decidir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu também sempre leio opiniões antes de ler. mas não com todos. quando é lançamento e parece ser interessante, eu compro logo. =)

      Excluir
  9. Ufa, alguém que também sente aflição em livrarias físicas! No meu caso, acontece a mesma coisa em bibliotecas... viva a compra online!

    ResponderExcluir
  10. e qd vc esta escrevendo sua dissertaçao (em literatura) e nao consegue ler o q quer? desespero. lavoura arcaica é um dos melhores livros q ja li. livraria de tijolo é uma ótima expressao.
    me mandaram ler o livro de areia do borges e ainda assim aqui estou eu, digitando c uma mão só pq não quero manchar a mesa c a taça de vinho e to c preguica de pegar descanso de copo.

    ResponderExcluir
  11. Oi, Renata
    Também tenho essa ansiedade pra escolher o próximo livro da fila e seu blog é uma das minhas principais referências.
    Duas das minhas mais queridas descobertas literárias dos ultimos tempos foram através do seu blog ( Lionel Shriver e Valter Hugo Mãe )
    Sempre 'marco' os posts em que vc cita algum livro :)
    Como eu te acho no Goodreads?
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que legal, mélis!
      =)

      você me acha aqui, ó: http://www.goodreads.com/user/show/2662597-renata

      Excluir