domingo, 10 de fevereiro de 2008

Lendo o diàrio de viagem dele, pra me inspirar e fazer o meu, ele escreveu sobre o segundo dia que me viu:
"ela chegou de vestido azul e òculos de fashionista."


E sobre a viagem à praia:
"eu nâo tinha percebido, mas ela tem senso de humor. e me faz rir."

Se eu ainda nao estivesse apaixonada, essa era a hora.
...
Aì que pra mim nada ficou decidido. Nâo sei a que horas vamos sair. Nâo sei se vamos jantar antes ou depois. E de repente ele tà correndo pra vestir o casaco, dizendo, vamos, vamos, e chamando o elevador. Quando eu vejo, estou no meio da rua e tenho que responder se quero pipoca doce ou salgada.

-Nâo sei como é a sua pipoca doce.
-Doce ou salgada?
-Como é a pipoca doce daqui?
-Nâo sei. Como a do Brasil, eu acho. È igual à pipoca que eu vi là.

E aì estou tentando achar a luva esquerda na minha bolsa. Perdi a luva esquerda? E ele sai e me deixa com uma nota na mâo. Some e eu com as pipocas e o funcionàrio falando francês e, ah, é isso! eu tenho que pagar. 

E a pipoca doce nâo é igual à pipoca doce no Brasil. Entendeu? Nâo é igual, nâo é igual! E eu fiquei sozinha e nâo sabia que vinha ao cinema. E nâo sabia o horàrio. E a pipoca doce nâo é igual à do Brasil. Entendeu? Nâo é igual! Eu vou fazer pipoca doce aqui, pra mostrar como é diferente. È diferente.

E fecho a cara e ponho as mâos na frente dos meus olhos pra nâo ver as cenas mais violentas. E nâo falo, nâo converso. But he's a talker. He talks. Anywhere. He talks anywhere. E eu, eu sou daquele tipo que acha que o problema vai embora se ninguém falar nele. Nâo é assim que funciona? But he's a talker. So we talk. E me sinto uma criança reclamando que nâo foi parte da decisâo, que nâo sabia de nada. Blà-blà-blà, eu canso a mim mesma.

Meio cheesecake de chocolate depois, é sò "nâo gosto de ficar assim. é tâo ruim brigar. oh, my god, you're so cute, so cute."

Mas o que e quero dizer é: meio cheesecake de chocolate. meio.cheesecake.de.chocolate.

Que as minhas caras feias nâo sejam freqüentes. È sò o que eu peço...

15 comentários:

  1. Nossa, esse post me fez rir. E vc tinha que ser eu pra entender como era tao improvável que eu risse hoje, lendo um post.

    Mas é que eu sou tao assim, emburrona. Que tenho esses pensamentos: que eu consiga ser bem legal e divertida e nao fique de cara feia o tempo todo. Pq esse é só um dos meus lados, claro. :p

    ResponderExcluir
  2. E ele ainda tem cabelo comprido....
    ai ai ai
    Umas com tanto outras com tão pouco.... hhahhahahha
    Seja muito feliz!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Cara, que romântico. Paracem cenas de um filme da Nora Ephron.

    ResponderExcluir
  4. ahahahahhaha... que linda, que fofa vc, que graça ele. não, não brigue à toa, não. não com um cara que repara seu vestido, seus óculos, acha vc engraçada e lhe faz suspresas inesperadas...
    bjos!

    ResponderExcluir
  5. Realmente era pra se apaixonar mesmo!

    ResponderExcluir
  6. hauahuah
    quando eu faço algo assim, o T. me chama de "princesa", tipo "ta bom, princesa".
    nós somos muito mimadas mesmo, Tata (especialmente pela vida, que manda esses moços bons pra gente.) E eles devem estar pagando algum pecado, pode escrever heheh
    PS: qdo for praí, vou te levar um teclado em português, que os teclados franceses são mesmo uma tortuuura!
    bjus!

    ResponderExcluir
  7. eu ainda não descobri a fórmula mágica pra "desentortar" a minha cara quando ela fica toda tensa e franzida....mas quero muito descobrir tb!

    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Sem comentar, mas acompanhando apaixonadamente as descrições daí...

    ResponderExcluir
  9. além do post ser legal o seu blog chama "tantos clichês "...é sobre eles que falo hoje no meu blog... clichês... mas de cinema
    bacio

    ResponderExcluir
  10. Oi Renata! Não sei se vc vai lembrar de mim, mas comentei umas 2 vezes aqui no seu blog rss Mas já leio ha um bom tempo e me divirto!
    Fiz um blog pra mim, tem problema eu colocar seu link lá?
    beijos e curta bastante a viagem!

    ResponderExcluir
  11. Ola. Nossa adorei seu blog e irei visitar sempre. Eu sou brasileiro tambem e estou morando na Republica Checa. Tenho vontade de conhecer Paris, mas tenho certeza q se for prai, nao vou qerer voltar mais, entao acho que irei o ano que vem, por que dai ja espero estar estudando e tenho motivos pra voltar ehehe..

    Eu dei muiiiiiiiittta risada com o post falando sobre o seu sonho com o Rambo, demais...

    o meu blog e www.essemeunovomundo.blogspot.com

    irei adicionar o seu como preferiods..

    abracao

    ResponderExcluir
  12. Daniela, nao e? o pior e que as vezes no meio da irritacao eu penso "por que me irritei? por q? nao foi nada tao grave assim!"

    Paula, ahhhhhhh, o cabelo vai embora. ele vai ter que cortar quando comecar a trabalhar. estou dizendo adeus aos poucos...

    Ana, ser emburrada ou me empanturrar de cheesecake? meudeus, so de lembrar daquele cheesecake...

    Andrea, ;*

    Jana, mas ele diz que a pipoca doce e igual a do brasil e nao eeeeeeeee!

    Renata, ele e' mais, na verdade...

    Ingrith, ;)

    Thata, hahahahha, eu tenho que ouvir que sou um "spoiled baby". mas e' verdade. eu preciso de muito mimo...

    Ice Ice Baby, ah, tb quero descobrir, porque a minha fica torta por hoooras.

    Elise, ;)

    Jose Vitor, nao, por favor!!

    Ricardo, ;)

    Larinha, lembro, claro! vou passar la'! ;)

    Joao Alberto, e dificil mesmo. eu nao quero ir embora...

    ResponderExcluir